WhatsApp

(11) 97333-2909

Unidades em todo o Brasil

Resgate 24 horas

(11) 99006-4900

Clique aqui e faça sua ligação

WhatsApp

(11) 97333-2909

Unidades em todo o Brasil

Resgate 24 horas

(11) 99006-4900

Clique aqui e faça sua ligação

Abstinência Química e a ausência da substância

Você já parou pra pensar o que acontece com o seu corpo quando para de usar drogas, o que esperar com a ausência da substância? O porquê você sente calafrios, mal estar, náuseas, ansiedade, irritabilidade, tristeza, falta de perspectiva. Sabia que tudo isso pode ser um sinal da falta da substância?

Exatamente isso, o que muitas pessoas não sabem, é que do mesmo jeito que uma pessoa se habitua com uma rotina saudável, o cérebro também pode se habituar com coisas tóxicas. Por isso que existe a dependência química de substâncias psicoativas.

Se não fosse isso, não existiriam nem psiquiatras e muito menos instituições de recuperação para dependentes químicos. Seria muito fácil falar “Pare de usar” e num passe de mágica ninguém mais consumiria nenhuma droga.

Entretanto, sabemos que as coisas não são bem assim. É de comum entendimento que definitivamente, apesar das substâncias serem algo ruim, elas geram mudanças nos processos químicos cerebrais e são associadas a prazer, relaxamento e momentos em que, teoricamente, não há problemas.

E como o cérebro é programado para esquecer o que é ruim e gravar o que é bom, ele deleta as consequências que aquele uso contínuo da substância traz e guarda aquela sensação de prazer momentâneo.

Aí se usa uma, duas, três, cem, mil vezes. E quando se dá conta tudo o que se trabalhou na vida já foi perdido em prol do narcótico. E quando se tem um “despertar espiritual” para parar de usar, começa o desconforto e os problemas. E é aí que nós das Clínicas Restituindo Sonhos entramos com esta matéria, o que esperar com a ausência da substância?

Não é fácil, mas é necessário para poder se recuperar

Parar de usar drogas não é fácil, mas é necessário para se recuperar e para poder ter pelo menos uma expectativa de vida digna. Justamente porque a dependência de drogas ou de álcool é progressiva, incurável e fatal. E tem três finais tristes, cadeias, clínicas e caixão.

Ainda bem que as clínicas de recuperação não são algo ruim, já que proporcionam cuidado e assistencialismo, tratamento e carinho para quem não tinha condições nem de se cuidar. Além do mais, o corpo começa a dar sinais da necessidade da substância justamente porque se acostumou com estímulo externo através da bebida ou do narcótico.

Em casos de pessoas que têm o costume de deprimir o organismo com drogas depressoras, ao organismo voltar ao funcionamento normal, acelerando o SNC, a pessoa sente um desconforto violento. Ansiedade, agitação, tremores, náuseas e em casos mais graves até mesmo convulsões.

Esses são os sintomas mais comuns de pessoas que são dependentes de álcool e psicotrópicos, especialmente os famosos “calmantes”. Ao estar em abstinência da substância, o cérebro estimula o organismo a voltar ao normal, e nesta fase são sentidos os sintomas acima.

Já no caso das drogas estimulantes, como a cocaína, crack e metanfetamina, o organismo acelera demais ao consumir essas substâncias.

Além do mais, elas agem na área do córtex pré-frontal, liberando hormônios do prazer, como a dopamina por exemplo.Posto isso, ao baixar os níveis de dopamina em decorrência da abstinência da droga, é comum pessoas relatarem tristeza ou depressão no pós uso.

Entretanto, cessar o uso não é fácil, mas é necessário para poder se recuperar e começar o tratamento. Se afastar das drogas é o primeiro passo para começar a pensar por si só e não viver apenas de desejos.

Porque as clínicas de recuperação fazem o uso de remédios

Agora que você já sabe o que esperar com a ausência da substância, porque as clínicas de recuperação fazem uso de remédios conjuntamente com o tratamento da drogadição?

Primeiro para facilitar o tratamento e adesão do mesmo, essa é a premissa básica. Se o paciente se sentir confortável, em um ambiente acolhedor onde as pessoas o respeitem dignamente, ele adere ao tratamento. Entretanto, caso haja desconforto, o primeiro empecilho à recuperação aparece.

E é justamente aí que entram os medicamentos, principalmente, quando se está na primeira fase da recuperação, a fase de desintoxicação. Desintoxicar-se é importante, mas tem um alto preço, o da ausência da substância, ou seja, abstinência.

Por isso, é importante dar um conforto ao paciente, fazendo um acompanhamento medicamentoso conjuntamente ao tratamento, sendo assim o porque as clínicas de recuperação fazem o uso de remédios.

Além do mais, existem pacientes que em fase aguda de abstinência da substância, podem ser tão agressivos que podem atrapalhar a desenvoltura dos demais na casa, e conjuntamente perturbar a paz de quem realmente está se recuperando.

Hábitos comportamentais produtivos também é recuperação

O mau humor, agressividade e irritabilidade são frutos do que esperar com a ausência da substância. Entretanto, a prática de hábitos comportamentais produtivos também é recuperação. Não só faz parte dela dentro da instituição, como é uma forma interessante de se tornar uma pessoa melhor fora dela.

Não se pode prender a costumes de “Ativa” quando se está recuperando. A mudança tem que ser completa, de dentro pra fora.

Desde a forma de pensar, até a forma de agir. Sendo assim, é importante salientar que muitas pessoas que entram em instituições demonstram mudanças significativas na primeira quinzena institucionalizada. E isso, é satisfatório

Entretanto existe um longo percurso de mudanças e implementação de hábitos comportamentais produtivos que também fazem parte da estratégia de recuperação.

Aproveite o novo da melhor maneira possível

Busque aproveitar o novo da melhor maneira possível. Esteja preparado para o que esperar da ausência da substância, e não pense que é fácil. É um caminho difícil, mas recompensador.

Na vida existem sacrifícios, entretanto quando você usa droga, está simplesmente sacrificando sua vida, seu corpo em prol da substância. Em contrapartida, quando sacrifica a droga, está dando outra oportunidade à você.

Por isso que as Clínicas Restituindo Sonhos, frisa incessantemente que vale a pena ter o seu valor. Vale a pena lutar pelos seus sonhos, e se você não conseguir sozinho, estamos aqui para ajudar e estender a mão para você, aproveite o novo da melhor maneira possível.

Renan Rugolo Ré
Renan Rugolo Ré

“Não somos responsáveis pela nossa doença, mas somos responsáveis pela nossa recuperação”

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.
WhatsApp chat