Conheça os principais sintomas de esquizofrenia e seu tratamento

Conheça os principais sintomas de esquizofrenia e seu tratamento

Você saberia dizer quais os principais sintomas de esquizofrenia e seu tratamento? Poderia auxiliar um familiar que sofre com essa enfermidade?

Fique atento às informações que trazemos a seguir e que sirvam de muito auxílio!

O que é Esquizofrenia?

Antes de tudo, vamos entender o que é a esquizofrenia propriamente dita.

A esquizofrenia é um transtorno psiquiátrico considerado grave que afeta muitas pessoas em todo o mundo.

Ela surge normalmente no final da adolescência ou nos primeiros anos da vida adulta.

Sendo assim, ela costuma se apresentar durante alguns episódios durante a vida. Esses episódios podem necessitar de hospitalização ou não, a depender da gravidade dos sintomas.

As causas para a instalação desse transtorno são variadas, pois diversos comportamentos podem impactar nesse desenvolvimento.

Alterações genéticas, ambientais e mesmo desequilíbrio neuroquímico podem ser causadores da doença. Inclusive, um dos fatores que podem levar à esquizofrenia é o consumo abusivo de drogas.

Esse comportamento pode destruir áreas importantes referentes à cognição, memória e senso de realidade.

Os principais sintomas de esquizofrenia e seu tratamento vão depender muito do histórico apresentado pelo paciente.

Seu início, intensidade dos sintomas e períodos de expressão são pontos muito importantes a serem analisados pelo profissional que acompanha o caso.

Tanto homens como mulheres apresentam uma tendência relativamente semelhante para desenvolver o transtorno. Apesar disso, as mulheres demonstram características interessantes.

Geralmente, elas apresentam um curso mais leve da doença, os sintomas aparecem mais tarde, passam menos tempo no hospital e funcionam melhor na sociedade.

Mesmo sendo de natureza grave e duradoura, muitos pacientes com esquizofrenia melhoram de maneira progressiva com o passar do tempo. Além disso, também pode ocorrer uma remissão de alguns sintomas.

A maioria dos pacientes aprendem a viver de maneira satisfatória na sociedade desempenhando papéis fundamentais.

Os principais sintomas de esquizofrenia e seu tratamento

Vamos separar os sintomas da esquizofrenia em dois aspectos: positivos e negativos.

Sintomas positivos:

Os sintomas positivos dizem respeito aos pensamentos, sensações e comportamentos presentes no paciente.

Esses sintomas normalmente não estão presentes nas pessoas sem o transtorno. Alguns exemplos são: alucinações, ideias delirantes e comportamento estranho.

As alucinações podem ser visuais, auditivas ou mesmo sensoriais. Alguns esquizofrênicos relatam, por exemplo, ouvir vozes, ver vultos ou ter sensações estranhas por toda a pele.

Isso causa uma grande angústia no paciente, pois ele percebe que os outros não conseguem entendê-lo. Muitos sofrem muita recriminação por sentir o que sentem.

Por isso, a maioria dos pacientes apresentam dificuldades em procurar a ajuda devida.

Os principais sintomas de esquizofrenia e seu tratamento são ignorados e quando são percebidos, acabam sendo recriminados pelas pessoas ao seu redor. Sendo assim, a informação devida é uma forte arma contra o preconceito.

As ideias delirantes apresentadas por esquizofrênicos podem girar em torno de pensamentos obsessivos de perseguição, por exemplo.

Além disso, podem acreditar em fatos que não aconteceram e insistir em concepções exageradas ou inusitadas de situações do cotidiano.

Geralmente, há um apego muito forte a essas ideias. Por isso, quanto mais resistência o paciente encontra, maior será sua crença de que o que pensa é correto.

Dentre os comportamentos estranhos de pacientes com esquizofrenia, podemos destacar uma postura física totalmente estranha sem motivo aparente.

Em muitos casos, a postura corporal do paciente demonstra que há algo de errado. A maioria das pessoas em volta percebem visualmente que existe uma falta de adequação, pois se torna muito evidente o contraste.

Sintomas negativos – um dos principais sintomas de esquizofrenia e seu tratamento:

Chamamos de sintomas negativos a ausência ou diminuição de pensamentos, emoções ou comportamentos que normalmente estão presentes nas pessoas sem o transtorno.

Podemos citar como exemplos de sintomas negativos:

Diminuição de expressão afetiva: tendem a se tornar cada vez mais voltados para si. Apresentam dificuldades para demonstrar seu afeto aos outros.

– Pobreza da fala: diminuem cada vez mais a quantidade de palavras ditas, passando a serem mais caladas que o comum.

– Dificuldade para sentir prazer e apatia: em atividades que antes eram prazerosas, o paciente não demonstra mais satisfação.

– Retardo psicomotor: o paciente torna-se mais lento no desempenho das atividades, da fala, etc.

Qual a diferença entre os sintomas positivos e negativos da esquizofrenia?

Os sintomas positivos da esquizofrenia costumam flutuar ao longo do curso do transtorno. Além disso, eles respondem bem à medicação antipsicótica.

Já os sintomas negativos são mais estáveis durante a doença e respondem menos ao tratamento medicamentoso.

Diante de tudo isso, acreditamos que é importante conhecer os principais sintomas de esquizofrenia e seu tratamento.

Disso depende a saúde e bem estar não só de quem convive com a doença. Levamos qualidade de vida também para família e amigos do paciente.

Tratamento:

Como já citamos, muitos sintomas da esquizofrenia são contemplados por uma medicação prescrita por um profissional competente. Então, o psiquiatra avalia o histórico do paciente e pode adequar um tratamento individual que leva a uma qualidade de vida satisfatória.

Juntamente com o acompanhamento psiquiátrico, o paciente deve buscar intervenção contínua com um profissional de Psicologia.

Dentro de um processo psicoterapêutico, serão desenvolvidas as habilidades sociais do paciente, além do conhecimento de sua doença. Ele aprende como conviver com o transtorno de maneira sadia, respeitando seus limites.

A depressão, ansiedade e ideias suicidas costumam fazer parte das emoções de muitos esquizofrênicos. Conviver com o transtorno traz muitos prejuízos na área emocional.

Sendo assim, é muito importante esse acompanhamento para que ele aprenda os principais sintomas da esquizofrenia e seu tratamento.

A Terapia Cognitiva Comportamental (TCC) é uma das abordagens que mais apresenta resultados no tratamento de esquizofrenia. Por atuar diretamente com as crenças do paciente, juntamente com o treino de habilidades sociais, o desempenho é aumentado.

A terapia comportamental familiar também deve ser analisada como um ótimo investimento de tratamento.

Muitos pacientes com esquizofrenia sofrem de dificuldades cognitivas que podem comprometer seu tratamento.

Já que áreas como atenção, memória e pensamento abstrato são afetadas, é necessário atentar para uma abordagem especializada nisso. A união entre a medicação e a psicoterapia demonstram resultados muito eficazes.

O objetivo é que o paciente conheça os principais sintomas de esquizofrenia e seu tratamento.

Tendo acesso à informação e tratamento de qualidade, ele pode ter uma vida mais satisfatória, trazendo sentido à sua existência. Clique aqui e saiba mais.

5/5 - (1 vote)
Facebook
Twitter
LinkedIn
Email
Clinícas de Recuperação Restituindo Sonhos
Clinícas de Recuperação Restituindo Sonhos

Clínica de Reabilitação Química e Alcoólica