WhatsApp

(11) 97333-2909

Unidades em todo o Brasil

Resgate 24 horas

(11) 97333-2909

Clique aqui e faça sua ligação

WhatsApp

(11) 97333-2909

Unidades em todo o Brasil

Resgate 24 horas

(11) 97333-2909

Clique aqui e faça sua ligação

Drogas: Um Dos Principais Problemas De Saúde Do Mundo

As drogas são consideradas um dos principais problemas de saúde no mundo e seu consumo só tem aumentado. A palavra “droga” faz referência a qualquer substância que quando utilizada causa alterações estruturais e funcionais no organismo, sendo consumida pelos homens há séculos.

Existem classificações para as drogas que são, a Legal cuja a venda e consumo são liberados mesmo havendo algumas restrições. No Brasil pode-se destacar o álcool e o tabaco. E as drogas ilegais são aquelas que tanto sua venda como consumo são proibidos, como por exemplo: a maconha, o LSD, a cocaína e entre outras. Os profissionais da saúde classificam em depressivas, estimulantes e perturbadoras. As drogas depressivas são as que diminuem a atividade cerebral causando até perda de reflexos importantes, as estimulantes são as drogas que aumentam as atividades cerebrais deixando o indivíduo mais agitado e as perturbadoras afetam o funcionamento do sistema nervoso central alterando a percepção e levando muitas vezes a perda de sentido.

As drogas ilícitas/ilegais têm sua venda e consumo proibidos, os maiores e mais conhecidos exemplos delas são: a maconha, cocaína e crack. O consumo destas substâncias podem afetar duramente a vida do usuário e é um dos problemas que mais afetam a saúde pública do mundo, as pessoas que tem maiores chances de se tornarem dependentes químicas são aquelas que possuem familiares que já utilizam drogas e quanto maior o grau de parentesco maior será a probabilidade de o indivíduo também apresentar tais problemas. Importante citar que a cocaína, nicotina, benzodiazepínicos (encontrado nos “calmantes”) e crack são as drogas que causam maior dependência química.

O usuário de drogas torna-se totalmente dependente deixando de lado suas atividades de lazer, eventos sociais, o trabalho e por vezes a família, ou seja, o uso da substância passa a ser prioridade na vida da pessoa. O consumo acontece com maior frequência aumentando a dose para obter os efeitos iniciais, e assim, surge a crise de abstinência com sintomas que incluem tremores, sudorese, taquicardia que são resultantes da dependência química. Existem inúmeros tratamentos e depende única e exclusivamente do usuário, por exemplo, em casos mais graves é indicado o tratamento ambulatorial ou inserção do indivíduo no CAPS-AD (Centro de Atenção Psicossocial – Álcool e Drogas). E se a pessoa furta objetos ou dinheiro para comprar drogas, ou até mesmo quando coloca sua vida em risco, é indicado a internação em um local especializado no tratamento para dependentes químicos. A duração do tratamento varia de acordo com o caso, dependendo de inúmeros fatores, como a adesão do usuário ao tratamento proposto, como ele evoluiu ao longo do tempo, a participação familiar e entre outros aspectos. É essencial a participação de uma equipe multiprofissional formada por psiquiatras, psicólogos, assistentes sociais, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, educadores físicos, odontólogos e arte-educadores que irão auxiliar diretamente o paciente. A dependência química é algo que está afetando bastante o mundo, por isso se faz tão importante a disseminação de campanhas objetivando diminuir o consumo de drogas sejam lícitas ou ilícitas para que se tenha alguma melhoria.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.